O Comitê da Saúde de Minas Gerais realizou, no dia 25 de agosto de 2017, mais uma reunião, coordenada pelo Desembargador Renato Dresch com participação de membros da magistratura Estadual, Defensoria Pública Estadual, Advocacia Geral do Estado, Procuradoria-Geral do Município de Belo Horizonte, Faculdade de Medicina de UFMG, Conselho Regional de Medicina, Conselho Regional de Farmácia, UNIMED, IPSM, OAB/MG, AMM e COSEMS/MG.

Discutiu-se especificamente sobre a judicialização da “Síndrome de Irlen”, com a colaboração de psiquiatras, neuropediatras e também do representante do CRM e conselheiro do CFM.

Definiu-se que, na próxima reunião, a ser realizada no dia 06 de outubro de 2017, entrará em pauta temas discutidos em grupos de estudos formados por alguns dos membros integrantes do Comitê, tais como:

1- Os critérios técnicos necessários para o fornecimento de fraldas;

2- O tratamento de equoterapia;

3- Internação compulsória;

4- Patrocínio particular de eventos; e

5- Elaboração de informes sobre saúde.